>SALADA DE HARUSAME

>

Salada de Harusame
Eu adoro essa saladinha, e quando o tempo esquenta, ela sempre aparece na minha cozinha. 
Uma saladinha completa e deliciosa.
Eu sempre usava a paciência dos orientais e cortava os pepinos e cenouras em tiras finíssimas.
Mas hoje, como tenho o tempo contado,
simplifico usando o ralador, de modo que eles fiquem compridos e finos.

                                                                    Como os da foto

A receita não tem muito segredo.
É só juntar os ingredientes e temperar.
Eu faço no olhometro ,mas no blog da Akemi, o Pecado da gula,
 tem a receita com as medidas, falo isso, porque acho que exagerei na quantidade..kkkkk
não que alguém aqui em casa tenha reclamado, porque todos adoram essa saladinha.
Pacote de Harusame (eu usei 2 pacotes de 350gramas cada)
pepinos em tiras finas (eu usei 2 pepinos)
cenouras em tiras finas (eu usei 2 cenouras)
omeletes em tiras finas (eu usei 4 ovos)
presuntos em tiras finas (eu usei 200 gramas)
Cozinhe o Harusame numa panela com agua fervente.
Escorra e lave bem em água corrente até esfriar. Deixe escorrendo por alguns instantes. Esprema bem para retirar bem toda a água. 
Usei a dica da Akemi, e cozinhei um pouco as cenouras.


Molho:

2 colheres (sopa) de shoyu (não usei)
2 colheres (sopa) de vinagre
1 colher (sopa) de suco de limão (não usei)
1 colher (sopa) de óleo de gergelim
1 colher (chá) de açúcar
1 colher (chá) de kotijan (pasta coreana levemente apimentada)(não usei)
1/2 colher (chá) de sal

Misture tudo muito bem e empregue.

O harusame é uma massa japonesa. Ele integra um conjunto de massas asiáticas, ou noodles, cuja criação ocorreu no norte da China na dinastia Han (206 a.C a 220 d.C). O processo de secagem, porém, só surgiria na dinastia Yuan (1271-1368 d.C). Tais massas se tornaram conhecidas e produzidas também no Japão, na Coréia e em países do Sudeste Asiático. De início eram feitas de farinha de trigo, mas depois se passou a produzi-las igualmente de trigo sarraceno, de amido do feijão chinês mung – , o mesmo com o qual se produz brotos -, de amido de arroz, de batata, de batata-doce, de soja ou de cará. As massas podem ser finas, achatadas, redondas, retas ou enroladas em ninhos. Hoje, o Japão é o país que mais as consome, produzidas tanto de trigo comum e sarraceno quanto de vários tipos de amido. Os noodles harusame (literalmente, “chuva de primavera”) são feitos de amido de arroz, de batata, de batata-doce ou, ao estilo chinês, de amido de feijão mung. Graças aos imigrantes japoneses, hoje o harusame é um ingrediente já incorporado aos hábitos brasileiros. Os fios podem ser achatados ou arredondados, mas não vêm em ninhos. Crus, são translúcidos, porém, depois de cozidos ou de demolhados em água fervente, se tornam quase transparentes. Podem ser usados de várias formas. Alguns cozinheiros quebram os fios crus e os fritam, usando os pedacinhos para dar textura crocante em saladas. Podem também compor sopas ou ser servidos como acompanhamento. Cozidos em água quente fora do fogo, tornam-se elásticos, macios e flexíveis e entram no recheio de rolinho-primavera. Embora tenham sabor neutro, absorvem sabores facilmente, o que faz deles ótima escolha para muitos pratos, desde que recebam algum molho ou temperos.
Anúncios

22 opiniões sobre “>SALADA DE HARUSAME

  1. >Fabiana cá em casa adoramos comidinha Asiatica, amei essa saladinha, engraçado essa omelete em tirinas, penso que a massa é a massa de arroz ou parecida não?Já anotei e quero fazer brevemente.Beijocas grandes e bom final de semana 🙂

  2. >Oi Fabiana,vi no seu comentário à B.V. que tem seguido as participações do desafio de culinária reciclada.Não quer juntar-se a nós? Partilhar um pouco da sua criatividade connosco em proveito da consciêncialização colectiva?Olhe que no final do Projecto Reciclar na Cozinha vamos enviar todas as receitas em pdf às participantes! E são tão boas sugestões, não são?Bom, espero por si no Delicias e Talentos. Tem lá as regras. A data final é até dia 11 DEZ.Beijinhos.Rute

  3. >Olá, vim retribuir a visita e fiquei com água na boca. Há anos que não como uma salada de harusame, vou ver se acho na minha cidade. Para esses dias quentes é perfeito.Volto com mais calma para olhar tudo.Bjs

  4. >Fabi, que delícia de saladinha oriental, eu amo essas comidinhas principalmente no verão!Achei tão especial o corte do pepino e da cenoura, que cortador vc usa para ficar assim fininho?bjs e bom fim de semana!

  5. >Fabi,Esta saladinha é uma ótima sugestão para esses dias calorentos, na próxima vez em que eu for ao mercadinho japonês vou comprar os ingredientes para fazê-la, rsrs.Um beijo e bom fim de semana.

  6. >Oi minha amiga,Bom dia!Menina, nao conhecia essa massa japonesa, pra nos nao e muito comum…mas parece uma massa leve, bem de acordo com o calorão que esta fazendo esses dias…e assim combinada com vegetais, fica perfeito, e ainda nem deve engordar…muito…rsss…Um abraco,Bom sabado!

  7. >Duxa* é sim feita com arroz ou soja.Nereime* Devia ter editado melhor a foto, desculpe.Mas o cortador, é aquele que eu estou apontando com o dedo vermelhão..kkkkkLala*Já vi até no carrefour, no extra e até no wal mart, na parte de produtos impotados.

  8. >Fia, sou tão ignorante nos conhecimentos orientais… Compro bifum… mas esse é outro, né? (pode responder aqui, tá?!)Nossa vida…eu gostei demais dessa salada…não conhecia.Tirando o presuntin o restante deve ficar muito refrescante e delicioso, né? Minha Nah gosta muito de pepino na salada…ainda bem! =]Vou dar uma olhada no mercado.Um bejim procê coração…

  9. >Vinni * é a mesma coisa, os dois(bifum e harusame) são macarrão feito de arroz, a unica diferença, é que o bifum é chines e o harusame é japones…..ta ta…é tudo igual mesmo!!!kkkkkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s