>MINI HAMBURGUER DE QUEIJO E UMA TRISTE NOTICIA

>

Vim dar uma passadinha bem rápida, para apresentar uma receita que foi
adaptada a partir de dois blogs:
Peguei a dica do Daniel do Feito na Hora, e coloquei farofa temperada na mistura.
e da Rita do Bem bons, peguei a dica do queijo.
500 gr de carne picada
1 ovo
Alho em pó
Salsinha
4 colheres de sopa de farofa temperada
Queijo
sal a gosto (não esqueça que a farofa já está temperada)


  • Numa tigela colocar a carne, o ovo, os temperos, a salsinha e a farofa temperada
  • Misturar tudo e fazer uma bola.
  • Colocar o queijo cortado em quadrados e envolver na carne.
  • Fazer pequenas bolas e achatar.
  • Colocar numa assadeira
  • Regar com um pouco de manteiga liquida e um pouco de vinho branco.
  • Levar ao forno a 200ºc por cerca de 20 minutos, virando a meio tempo.



A passadinha rápida, é por conta de uma triste noticia.
Hoje, minha tia faleceu.
Fiquei sabendo que ela estava internada na UTI, na segunda feira, 
ontém liguei para o meu tio, e hoje, veio a triste noticia.
Tudo muito rápido!
A tristeza, veio em dose dupla….porque ela faleceu de manhã, e eu só fiquei sabendo do seu falecimento a noite, quando já era tarde demais para viajar para São Paulo.
Fiquei sentida, porque moro longe dos parentes, mas nessas horas, quero sim estar presente.
De longe, só me resta rezar por você, tia.
Descanse em Paz
Anúncios

36 opiniões sobre “>MINI HAMBURGUER DE QUEIJO E UMA TRISTE NOTICIA

  1. >Fabi, oque dizer nesta hora?Seu desejo de confortar seus parentes e o mesmo que todas nos suas amigas virtuais sentimos ao passar por aqui e ver seu sofrimento.Que o Espirito Santo consolador seja com vc e sua familia.Levo esta receitinha especial e deixo um abraço especial.

  2. >Oi, Fabi,Receba os meus sentimentos, pelo passamento da sua tia. A morte, embora natural, nunca nos pega preparados para ela, não é verdade?Que o Criador console a família enlutada.Quanto aos hamburguinhos, parecem ter ficado deliciosos! Também gostei da panna cotta do post anterior, vou levar a receita dela, rsrs.Um beijo e bom fim de semana.

  3. >pôxa…que triste, Fabianamas com certeza sua tia "sabe" do seu carinho e respeito. Orar nesses momentos é confortante, é muito bom.Que Jesus abençoe vc e seus familiares.Adriana

  4. >Fabi, vim saber o motivo de sua tristeza. Sinto muito, as perdas são doloridas, mas são inevitáveis. Não te falo isso por frieza, mas faz apenas 5 meses que perdi meu pai, e 6 meses que meu sogro tbm se foi…temos que continuar, aceitar e lembrar sempre dessas pessoas, pois só morre de verdade quem sai das nossas lembfranças e corações. Olha tenho um outro blog, com umas mensagens que talvez possam te confortarhttp://sundrix.blogspot.com/foi o meu primeiro blog, e tem muito de mim lábj e força querida!

  5. >Fabi, meus sentimentos pela sua tia. Realmente não há muito o que se dizer num momento como este.Mas menina, eu amei sua receitinha, aqui em casa somos doidos por hambúrguer e achei esses perfeitos!Beijos,Fabi

  6. >Poxa Fabi, me desculpa mas nestes momentos eu fico sem palavras!Eu sei o quanto é ruim perder uma pessoa querida, sei que é difícil aceitar, sei que ficamos tristes, mas temos de continuar a tocar a nossa vida aqui né? Apesar da sua tia ter ido aposto que ela vai deixar no corações de vocês muuitas boas lembranças! Disso que vale a pena a gente se recordar!Vou rezar pedindo à Deus por conforto nos coraçõezinhos de sua família! Beijos, e se precisar de alguém pra conversar estou a disposição! 🙂

  7. >Fabi minha querida, não se entristeça por não ter dado tempo de se despedir de sua tia, acredite, o que importa é o que vcs significaram uma à outra durante o convivio dela aqui na terra. Lembre-se do carinho, e afeição e dos momentos alegres que vcs viveram. Se não deu tempo, não se chateie,não era o que vc queria, mas a vida nos prega muitas peças. Faça o que vc disse reze por ela, enviando-lhe muita luz e paz, meus sinceros sentimentosQto a receita adorei, muito boa, recheada melhor ainda né? bjos

  8. >Fabi, Nestas alturas pouco se pode dizer que faça melhorar, mas força e muito carinho para ti!!!Um abraçinho cheio de força!!BjokasRitaGostei dos hamburgueres, ficaram bem apetitosos!!!Obrigada pelo crédito.

  9. >imagino a tua tristeza, tb sou mto ligada á familia, agora acho que de uma tristeza temos sempre que ver o lado bom…se é que a morte tem algo bom :(…..qd meu pai faleceu vitima de cancro senti que foi um alivio, ele deixou de sofrer, já a minha avó que já estava acamada á 7 anos faleceu com 88 anos senti que tinha cumprido a sua função de vida….beijos e tudo de bom

  10. >Fabiana, nestas horas de grande tristeza por aqueles que partem e nos são muito queridos é preciso ter força. Recordar os momentos passados com ela é o que nos resta.Fica bem!Bjs

  11. >Oi minha amiga,Perdoe-me por não ter vindo ontem, me envolvi aqui c minha perda…Posso imaginar sua tristeza e mais a sensação ruim de ser a última a saber. Já se fica mais sensível, e ainda não ter podido ir é angustiante. Quero partilhar esse tempo c vc, e mais uma vez me colocar perto para essa troca q é sempre mt delicado. Que Deus conforte seu coração e da família de sua tia.Um bejim no seu coração!

  12. >Fabi meus sinceros sentimentos querida e nestas horas só mesmo desejar que tenha força e saiba que as pessoas que queremos bem nunca morrem pois elas ficam no nosso coração e na lembrança, verdade??Beijão bem especial e com muita amizade…

  13. >Meus sentimentos Fabi. Que Deus console teu coração e de seus familiares. Sei o que é estar longe da família ainda mais num momento assim.Gostei de receita, um toque a mais no hambúrguer.Bjos, Lú.

  14. >Fabi, ontem não parei em casa e por isso não passei por aqui. Meus sentimentos querida. Ficamos mesmo sem palavras num momento desses, né?Vida que segue, vamos rezar para que ela descanse em paz.Adorei a receita, essa tb já estou passando pro caderninho. quando eu fizer, te conto, bjs'.

  15. >Fabi, desculpa a demora em responder, estava numa semana meio complicada, mas fico sem saber o que falar numa hora dessas. Nossas sinceras condolências, que ela tenha ido em paz e descanse também, pois ela fez seu papel entre nós.Eh dificil mesmo não estar na hora para confortar, sei disso porque em meus 13 anos aqui, perdi os avós maternos e meu sogro. A vida segue, temos que cumprir nossa parte.Gambare, querida!Beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s